Conheça 4 competências essenciais para todo Gerente de Produtos

gerente de produtos bis360

Conheça 4 competências essenciais para todo Gerente de Produtos

Você já pensou em se tornar um Gerente de Produtos ou está começando agora nessa função? Essa, sem dúvida, é uma atuação bastante interessante e cada vez mais crucial para o sucesso das empresas.

Neste artigo, vamos apresentar alguns dos desafios enfrentados em início de carreira e os principais conhecimentos, habilidades e atitudes que você precisa desenvolver para se tornar um excelente profissional nessa área.

O que faz um Gerente de Produtos?

Esses profissionais são responsáveis pelo desenvolvimento de produtos para uma organização. Atuam na definição de estratégias de lançamento, especificam requisitos funcionais e administram os recursos associados.

Eles coordenam o trabalho feito por muitos outros colaboradores, como Engenheiros de Software, Cientistas de Dados e Designers de Produtos. Em última instância, são responsáveis pelo sucesso comercial do produto.

Os Gerentes de Produtos conduzem projetos, assim como fazem os Gerentes de Projetos. A diferença é que envolve sempre o desenvolvimento de um produto que será comercializado para uma base de clientes. Isso abrange pesquisa de mercado, planejamento e relacionamento com outros profissionais de diferentes áreas.

Quais as principais competências que o Gerente de Produtos precisa ter?

Da concepção inicial da ideia passando pelo lançamento e durante todo o ciclo de desenvolvimento do produto, o Gerente de Produtos é responsável por elaborar meios que garantam destaque e diferenciação junto aos concorrentes, e que solucionem problemas de seu público-alvo. Por ser algo complexo, é necessário ter conhecimento e habilidades específicas para ser um gerente eficiente.

1. Visão estratégica

Os Gerentes de Produtos precisam de certas habilidades para entenderem os contextos de negócios. É por meio desse tipo de observação que eles conseguem definir as diretrizes de atuação, convertendo objetivos em planos de ação claros, com métricas mensuráveis em termos de performance e ganhos financeiros.

2. Liderança e gestão de pessoas

Normalmente, os Gerentes de Produtos têm interfaces com muitos colaboradores que não fazem parte diretamente de suas equipes, pois atuam em outras áreas. Mas, ainda assim, precisam do apoio delas para alcançarem os resultados.

Ou seja, a pessoa que trabalha nessa função deve ser capaz de estabelecer um ótimo relacionamento, de se comunicar de modo eficaz, com perseverança e altivez.

3. Orientação voltada para o mercado

Um dos papéis de um Gerente de Produtos é garantir a satisfação do cliente no longo prazo. Isso pode ser alcançado ao assegurar que as soluções sejam sempre guiadas pelas necessidades do mercado. O profissional deve ter um entendimento acerca do que os clientes querem, bem como ser o defensor dos interesses deles dentro da organização.

4. Capacidade de priorização

É essencial que o profissional tenha a capacidade de ver o panorama geral enquanto gerencia detalhes e programações. Gerenciamento do tempo e conhecimentos sobre metodologias de projetos são competências fundamentais para lidar com múltiplas prioridades.

Ele deve ter aptidão para definir roteiros e criar matrizes de responsabilidades simples para orientar a si mesmo e aos outros envolvidos, a fim de que todos possam caminhar na mesma direção.

Todo início de carreira tem seus percalços, mas o sucesso como Gerente de Produtos pode ser uma realidade. É uma atuação cada vez mais requerida pelo mercado. Portanto, investir em treinamentos e capacitação é algo a ser considerado, pois pode fazer toda a diferença em seu currículo e acelerar seu desenvolvimento.

Gostou deste conteúdo? Então siga a BIS360 no LinkedIn e no Twitter para ficar sempre por dentro de novidades!

Comentários (2)

  • Marcelo Santoni Reply

    Jefferson, num mercado muito competitivo em que vivemos, ter estratégia de marketing bem definida é um diferencial. Excelente artigo.

    26 de junho de 2019 at 18:07 06Wed, 26 Jun 2019 18:07:03 -030003.
    • Jeferson Pinto Reply

      Obrigado Santoni! Concordo. Mercado competitivo e com recursos escaços, logo desenhar uma boa estratégia/táticas é indispensável para garantir o Retorno do Investimento (ROI).

      26 de junho de 2019 at 21:12 09Wed, 26 Jun 2019 21:12:53 -030053.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *